Novidades

Menores Aprendizes da Potiguar participam de sarau literário

21/10/15

Durante os dias 20 e 21 de outubro, 28 menores aprendizes da Potiguar participaram do “1º Parque Literário da Aprendizagem. Evento sob a organização do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial – SENAC que aconteceu no parque Bom Menino, em São Luís.

O evento teve como objetivo realizar atividades que visam valorizar a leitura e através desta proporcionar aos participantes experiências que contribuam para o trabalho profissional.

Entre as atividades que os menores aprendizes participaram estão: sarau literário, contação e recontação de estórias, declamação de poemas, narração da literatura de cordel, apresentação de peleja, exposição de painéis, encenação, performance, dramatização, jogos, apresentação musical, entre outros, todos com ênfase nas relações estabelecidas em situações de trabalho.

Segundo Jacksiane Silveira, Coordenadora do Posto Avançado do Senac São Luis, os menores aprendizes podem utilizar o conhecimento adquirido nas atividades no dia a dia de trabalho. “Com a prática da leitura, os menores aprendizes podem se comunicar melhor, utilizar a linguagem melhor, desde a abordagem de clientes nos seus locais de trabalho e até mesmo no convívio com seus colegas e isso traz muitos benefícios para eles”, disse Jacksiane

Para Saulo Fereira, menor aprendiz da loja Potiguar Cohafuma, a participação no evento possibilitou realizar tarefas que irão contribuir para o exercício da função na empresa. “Durante a organização do evento, pudemos participar de atividades sobre trabalho em equipe, onde cada um conheceu a função do outro. Além de que fizemos várias pesquisas sobre os escritores, sobre literatura e isso trouxe muito conhecimento para nós”, falou Saulo.

Saiba mais

O programa Jovem Menor Aprendiz visa promover a inclusão social de jovens através da qualificação profissional. Podem participar do programa jovens com idades de 14 a 24 anos, que estejam dentro do perfil social exigido pelo programa. É indicado para estudantes que ainda não concluíram o ensino médio e que sejam provenientes de escolas públicas ou alunos bolsistas de escolas particulares. Mas aqueles jovens que já concluíram o ensino médio e ainda não tiveram a oportunidade de se inserir no mercado de trabalho, também podem se inscrever no programa, desde que se encaixem no perfil exigido. 

Para se inscrever no programa, o jovem tem que realizar o cadastro no Sistema Nacional de Emprego – SINE. O Ministério do Trabalho é responsável por encaminhar os menores aprendizes para as empresas. Após este processo, o jovem participa de um processo seletivo. Sendo aprovado, o menor irá realizar as atividades teóricas do programa no Senac e as atividades práticas na empresa.

 

 

Voltar
Precisamos de sua localização, por favor, compartilhe ela com a gente Agora não